Inspire-se!

Comece fazendo o que é necessário, depois o que é possível, e de repente, você estará fazendo o impossível.

São Francisco de Assis

.........................................................................................................

domingo, 16 de maio de 2010

Pela Luz de Um Anjo



Ele se encontrava em um poço obscuro,
A solidão o assustava em demasia.
Recolhido no canto do quarto
Sentindo a umidade do ar lhe penetrar as narinas.
As pálpebras pesaram até que ele adormeceu.

Os olhos se abriram tocados por uma fina lâmina de luz
Que penetrava a fresta da janela e lhe chegava aos olhos.
E ele sentira uma mão a lhe aquecer o peito.
Já não estava só, encontrava-se ao seu lado um ser.

Um ser que aos poucos fora se enchendo de luz.
Um clarão de magnitude ímpar.
Uma mão estendida, um coração doado.
E a solidão já não o assusta mais.

E há um sentimento plantado
Que germina
 Regado pela luz do anjo dele.

0 Comentários:

Algumas das imagens contidas nesse blog foram retiradas da Web. Se acaso alguma fotografia lhe pertença entre em contato e ela será removida ou receberá os devidos créditos (fica a critério do autor da imagem).


© gdeinspiracao.blogspot.com. Todos os direitos reservados. A cópia ou reprodução parcial ou total não-autorizada de qualquer obra contida nesse Blog está estritamente proíbida.

Plágio é crime!