Inspire-se!

Comece fazendo o que é necessário, depois o que é possível, e de repente, você estará fazendo o impossível.

São Francisco de Assis

.........................................................................................................

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Estou em Casa

 

 
Eu nunca quis te perder de vista.
Nem desatar os laços que me uniam a você.
Mas por algum sentimento confuso
Deixei os laços se desfazerem.

Marquei meus passos de volta a você.
Corri em sua direção e senti sua respiração se aproximar.
Desejei reatar os laços do meu peito.
Porque quando estou nos teus braços
Eu estou em casa.

A distância corroía como ácido puro.
 Meu peito chorava rios caudalosos.
E meu quarto era meu refugio.

Um não completa-se só.
Precisa-se de duas metades.
Porque em seus braços eu estou em casa.

Eu nunca quis sentir o gosto amargo da solidão.
Mas ela me perseguia como sombra.
Procurei a luz alva e pura da tua alma.
Desejei reatar nossos laços.
Seus braços são envolventes.

Na proteção do teu abraço
A solidão se desintegra
Minhas lágrimas recuam
E eu me sinto em casa.
Com você eu já estou em casa.


0 Comentários:

Algumas das imagens contidas nesse blog foram retiradas da Web. Se acaso alguma fotografia lhe pertença entre em contato e ela será removida ou receberá os devidos créditos (fica a critério do autor da imagem).


© gdeinspiracao.blogspot.com. Todos os direitos reservados. A cópia ou reprodução parcial ou total não-autorizada de qualquer obra contida nesse Blog está estritamente proíbida.

Plágio é crime!